7 técnicas infalíveis para aumentar seu foco e capacidade de concentração nos estudos

7 técnicas infalíveis para aumentar seu foco e capacidade de concentração nos estudos

 

Quando foi a última vez que você realizou uma tarefa rotineira, como escovar os dentes ou arrumar a cama, somente focado no que estava fazendo e não pensando no que viria a seguir e no que precisava resolver durante o restante do dia? Alguma vez você já chegou ao trabalho de manhã, mas não tinha a menor ideia de como chegou até lá e que trajeto fez? Ou você já sentou na mesa para almoçar e quando, por fim, olhou para o prato se deu conta que já havia terminado?

Todas essas circunstâncias já aconteceram comigo e isso é sintoma de distração e falta de consciência do momento presente.

Este estado de letargia e perda de consciência em que nem sequer sabemos o que estamos fazendo pode ser muito prejudicial para quem tem um objetivo importante como o de passar em um concurso público.

Muitas vezes, a performance profissional ou acadêmica não vai bem por conta de estados mentais como esse que nós nem mesmo notamos. Os resultados desse tipo de distração é que acabamos sufocados, com baixa produtividade, e performance ruim. A plena consciência e o relaxamento mental podem te ajudar a melhorar isso.

Então, aqui eu apresento algumas técnicas de mindfulness que vão além da meditação e que vão potencializar a sua capacidade mental em cada seção de estudo:

  1. Crie o hábito de meditar– Meditar é um santo remédio contra o estresse e a ansiedade. Ela também eleva os níveis de concentração e foco. Então medite!! Mas, não exija de si mesmo meditar por uma hora logo de cara e nem tente fazer isso sozinho. Existem meditações guiadas disponíveis em aplicativos de celular e elas podem te ajudar a dar o pontapé inicial. Comece a meditar por apenas 10 minutos por dia durante os primeiros 21 dias. 21 dias é o tempo em que um novo hábito é formato, então seja disciplinado e tente manter uma rotina. Medite no mesmo lugar e na mesma hora se possível. Caso seja possível, antes de começar o dia, sente-se em seu carro ou mesa de trabalho e dedique 10 minutos a si mesmo. Aproveite esses minutos sabendo que há um dia de trabalho te esperando.
  2. Elimine distrações– Desabilite as notificações das suas redes sociais, e coloque o seu celular em modo avião quando estiver começando sua jornada de estudo e aprenda a identificar o que é útil no momento e o que realmente merece sua atenção.
  3. Defina horários específicos para ler e responder mensagens e emails – Apenas leia os seus e-mail e mensagens duas vezes por dia. Compreenda que não é necessário ler e responder todos as mensagens que recebe no momento em que você as receber. Não deixe que as necessidades dos outros de falar com você ditem a sua agenda.
  4. Faça uma coisa de cada vez– Tente evitar fazer várias tarefas ao mesmo tempo, mas, em caso seja absolutamente necessário, note quais elas são, entenda o motivo de estar realizando determinada atividade naquele momento e priorize.
  5. Planeje cada seção de estudocom antecedência – Antes de iniciar uma seção de estudo cronometre dois ou três minutos para assimilar o ambiente ao seu redor e seu propósito ao realizar essa atividade. Estabeleça os objetivos e uma estratégia de ação.
  6. Descanse – Sempre que possível, a cada uma ou duas horas, dê uma pausa de mais cinco minutos no trabalho para não se sentir sobrecarregado e revise tudo o que foi feito na última hora.
  7. Esqueça dos problemas pessoais – Mantenha uma atitude de mindfulness ao longo de todo o estudo. Deixe os problemas pessoais e familiares da porta para fora do seu ambiente de estudo.

Com essas simples atividades seu nível de produtividade pode crescer exponencialmente. Se você quer ler mais dicas e aprender a maximizar sua força mental em favor do seu objetivo de passar em um concurso público visite o site do Projeto Mentalidade de Crescimento e aproveite para fazer um Teste de Mindset gratuito.

 

Abraços,

Prof. Beatriz Rustiguel

We will be happy to hear your thoughts

Deixe seu comentário (pode ser anônimo)